25
abr
2013

7 passos para se destacar no LinkedIn

Por Rodrigo Boehl >>

Estava lendo o livro “Como se destacar no LinkedIn” de Wagner D. da Silva, disponível no iBooks, que apresenta dicas de como montar o seu perfil na rede social profissional e em fevereiro de 2013 atingiu 200 milhões de usuários no mundo e possui 11 milhões de brasileiros como leitores.

7 passos para se destacar no LinkedInAs dicas são boas e o livro é escrito por um brasileiro que atingiu o TOP 5 mais visitados. Recomendo a leitura para aqueles que possuem acesso ao iBooks da Apple.

A leitura me fez refletir sobre a importância de saber utilizar o LinkedIn. Esta ferramenta não deve ser confundida com o Facebook e muito menos simplificada a um meio de busca de empregos. Há pouco tempo criei uma ferramenta que denominei mapeamento de carreira, seu objetivo é orientar as minhas ações para o futuro, ou seja, identificar as competências das pessoas que chegaram aonde eu quero chegar e trabalham aonde eu quero trabalhar. Sua ideia é simples: se empresas realizam benchmarking para aprender com as melhores, eu também poderia. Normalmente, avaliamos o sucesso dos profissionais no ponto onde eles estão e não buscamos entender qual foi o caminho percorrido.

O linkedIn foi uma ótima fonte de estudo, pois com ela tive acesso aos executivos e profissionais mais bem sucedidos na minha área de atuação e que estão aonde eu quero chegar.

O mapeamento de carreira ajudou a identificar todas as competências necessárias para trabalhar nas empresas em que almejo e a mapear as competências dos profissionais que são referência da minha área.

7 passos para se destacar no LinkedIn - mind mapCom base nestes dados consigo extrair algumas informações, como por exemplo: as competências compartilhadas, as que destacam o profissional, quais as competência requisitos para ser um destaque na minha área e quais as competências que as empresas de sucesso exigem de seus executivos.Esta análise está orientando a priorização das minhas ações. Espero que os passos abaixo possam ajudar você a definir passos para aproximar o hoje do amanhã!

1 Defina as empresas que você gostaria de trabalhar, nacionais e multinacionais – Sugestão: cinco empresas podem ser de segmentos diferentes, porém, neste caso recomendo utilizar duas empresas por segmento de atuação. Importante não ultrapassar seis empresas no total, pois isto pode dificultar a análise.

2 Identifique os profissionais da sua área de atuação nestas empresas e suas competências.

3 Identifique os profissionais ícones na sua área e destaque as suas competências.

4 Depois, monte o mapa de carreira – no meu caso utilizei o mind maps, aplicativo para iPad, mas pode ser feito com o mindmanager.

5 Alinhe as competências compartilhadas pelas empresas do mesmo segmento.

6 Identifique quais as competências que se diferenciam e que estão alinhadas com as competências dos profissionais ícones e quais as competências que são compartilhadas por todas as empresas, independentemente do segmento.

7 Analise as informações e priorize o seu desenvolvimento. Minha sugestão é priorizar as competências que todas as organizações compartilham, após as competências ícones. Claro que a priorização poderá alterar conforme o seus objetivos!

Fonte da imagem – http://cmc-yonemitsu.blogspot.com.br/2013/02/top-1-of-linked-in.html

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...