14
mar
2016

A paixão pelo trabalho e até onde vamos por causa dela

Por Renata Gueresi >>

Fonte: pixabay.com

Fonte: pixabay.com

Hoje, quando comecei a pensar sobre o que eu gostaria de escrever, me deparei com o livro que estou lendo “Faça como Steve Jobs” e pensei: por que não? Então, resolvi terminar de ler o capítulo onde eu havia parado e percebi que o importante era escrever algo motivacional, que impulsionasse a todos que vão ler e que faça com que vocês possam seguir em frente com seus sonhos, ou pelo menos, parar para refletir em quem vocês estão se tornando.

O livro citado tem o foco no modo como Jobs fazia suas apresentações e em como ele se tornou um excelente comunicador, pois tudo o que ele dizia encantava suas plateias. Foi nesse ponto que eu comecei a perceber que Jobs era carismático, não exatamente por natureza, mas porque ele não vendia produtos, ele sempre vendeu um mundo melhor.

E é nesse ponto que eu quero chegar. Reflita sobre estas questões:

Você está fazendo o que realmente gosta?
Você é apaixonado por seu trabalho ou você acha poderia estar em outro lugar, fazendo outras atividades?

Steve Jobs era apaixonado pelo que fazia, e com isso ele projetou coisas incríveis que as pessoas realmente gostam, mas, principalmente, que ele gostava. Essa era a sua motivação: fazer grandes produtos que ele gostava e que os outros iriam gostar ainda mais do que ele.

Outro fato importante de Jobs foi que ele nunca se motivou a criar computadores, esse não era o seu desejo. Ele quis criar ferramentas para pôr em ação o potencial  humano, ou seja, ele sempre quis mudar o mundo para transformá-lo em um lugar melhor.

E assim foi que ele construiu seu império, sendo apaixonado pelo seu trabalho, pela forma como seus computadores melhorariam a vida das pessoas. Assim, como disse Oprah Winfrey: “Siga sua paixão. Faça o que você gosta, e o dinheiro virá. A maioria das pessoas não acredita nisso, mas é verdade.”

Quando não estamos realizados profissionalmente, nós não conseguimos nos dedicar ao nosso trabalho. Nós nos tornamos quase máquinas, fazendo tudo no automático, sem perspectiva de futuro, sem um objetivo, e a nossa rotina vai nos sufocando dia após dia. Se isso estiver acontecendo com você, significa que você pode estar na profissão errada ou na empresa errada. Mas como saber isso?

Note como você se sente ao realizar suas tarefas no cotidiano, você gosta do que faz? E ao sair de casa para trabalhar você pensa: “Que saco, mais um dia naquele lugar?” Ou: “Que bom, mais um dia excelente de trabalho!”.

Outros pontos importantes de se avaliar é se você está trabalhando apenas pelo salário e se o seu desempenho está baixo, ou seja, você não atinge suas metas e os resultados não aparecem, mesmo quando o esforço é enorme, te deixando estressado e até mesmo cansado com as atividades exercidas. Não entre em pânico, se você está passando por isso, vale a pena refletir um pouco e tomar uma atitude: mude! Mexa-se! Faça as coisas acontecerem.

Eu comecei falando sobre o caso de sucesso que é o Steve Jobs, mas não precisamos ir tão longe assim. Aqui no Brasil nós também temos alguns sucessos de empreendedorismo, entre eles Luis Seabra, um dos fundadores da empresa Natura, uma das marcas de cosméticos mais utilizados em nosso país. Também temos Abilio Diniz, presidente do Grupo Pão de Açúcar. E Robinson Shiva, o criador do China in Box, o interessante é que ele se formou em Odontologia, mas decidiu não ser dentista.

Podemos perceber que além da visão de negócio e um ótimo planejamento, também é preciso paixão pelo que se faz para termos uma carreira de sucesso e, principalmente, uma vida plena e feliz.

Com isso, pense sobre o que está impulsionando a sua vida, o segredo nada mais é do que identificar sua verdadeira paixão. Lembre-se que as pessoas querem ser estimuladas e precisam acreditar em algo, por isso, faça com que elas acreditem em você.

Referências:

GALLO, Carmine. Faça como Steve Jobs. São Paula, Lua de Papel, 2010.

8 Empreendedores de Sucesso. Disponível em: <http://www.novonegocio.com.br/casos/8-empreendedores-sucesso/>. Acesso em: 01 dez. 2015.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...