Por Rogelia Barbosa >>

“Ter uma marca forte é ser respeitado, é ter poder, é habitar os espaços privilegiadas no cérebro dos seus consumidores”.

Confira a cobertura da palestra do Martin Haag promovida pela RBS TV e Agência Zcomunic em Ijuí, na última quinta-feira com o tema “O que ganho construindo uma marca”.

Como mensurar o que ganhamos construindo uma marcaNa oportunidade, o conceituado publicitário, diretor da City e professor na PUCRS e ESPM falou sobre um assunto atual e desafiador para os profissionais que estão à frente de decisões sobre as marcas: como mensurar e como quantificar as percepções que estão na cabeça dos consumidores?

Sim, porque a marca não está só na fachada da empresa, ela está nos públicos, nas percepções e em todos os pontos de contatos entre empresa, cliente, comunidade e funcionários. Além dos pontos objetivos, Martin falou sobre as conexões emocionais e cognitivas que uma marca consegue desenvolver.

Veja os principais elementos citados por Martin que geram indicativos para mensurar o retorno de quem investe na construção de uma marca:

>NOVOS CLIENTES: entre inúmeros apelos visuais e sensoriais, uma marca bem trabalhada consegue passar informações e gerar novos conteúdos,atraindo novos clientes.

> MAIS NEGÓCIOS COM OS CLIENTES: outras opções de ganhos começam a se tornar mais baratas para a empresa, assim como o relacionamento fica mais fácil, pois o público já tem o conhecimento prévio dela.

> MELHORES FORNECEDORES: atrai mais e melhores fornecedores em relação aos seus concorrentes.

> NOVAS IDEIAS SOBRE A MARCA: a partir de uma informação nosso cérebro consegue buscar inúmeras outras características e informações. As marcas também são assim, elas indicam o caminho e a orientação da empresa, que podem ser agregados e atualizados com novas informações e motivações para seus públicos.

> FAMILIARIDADE E ESTIMA: as pessoas são naturalmente preparadas para se preservar, ou seja, para rejeitar o que é estranho. As marcas quebram essa barreira quando se tornam próximas de um público. Isso, automaticamente, gera mais acessos, entrada facilitada para melhores e relacionamentos mais duráveis.

> MAIS ATENÇÃO NA MARCA: quando reconhece a fonte, o público dá mais atenção e dedicação aos conteúdos, se envolvendo mais. “Ter uma marca forte é ser respeitado pelo que eu digo”. É construir uma memória junto ao público.

>MENOS ESFORÇO NA ARGUMENTAÇÃO: se já é conhecida, não precisa dizer quem é e a que veio, e sim concentrar os esforços em conectar suas mensagens às aspirações do seu público.

>CLIENTES COM IDEIA CLARA: quando o cliente já conhece, já sabe como a marca é e o que vende, tem menos possibilidades de frustrações.

>TEMPO DE COMPRA REDUZIDA: negociação facilitada gera agilidade nas transações comerciais.

>ENTRADA EM NOVOS MERCADOS E PRODUTOS: o ganho monetário é muito perceptível quando a marca consegue memorizar seu propósito.Isso facilita abrir novos mercados, seja geográfico ou avançado, e categorias com novas linhas de produtos, entre outras possibilidades.

> CUSTO REDUZIDO: é mais barato manter os clientes do que conquistar novos, pois eles estão mais disponíveis para receber/participar das novidades da empresa.

> CRISES: cria uma ‘blindagem’ a elas. Quando as marcas estão bem estruturadas o público entende a crise como uma falha, afinal, todo mundo pode errar. Ele perdoa mais fácil possíveis erros ou trapalhadas da empresa.

> CONHECIMENTO=CRESCIMENTO: o conhecimento atribui à marca valores diferenciados em relação aos concorrentes.

> IMAGEM DE LÍDER: ganha mais autoridade e propriedade sobre os assuntos a marca que conquista essa imagem.

Todos esses elementos geram índices de retorno de investimento, que são gerados a médio e longo prazo. A construção da marca deve ter uma lógica bem estruturada, planejada e organizada, focada nos stakeholders da organização e suas respectivas aspirações. Isso acumula poder, e a marca atrai resultados superiores às demais. A forma de quantificar esses índices estão em constante aprimoramento, na tentativa de cada vez mais deixar os cálculos mais fidedignos em números.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Leonardo Fleck

    Ótimo Post Rogelia! Este téma de contrução da marca é muito bom!