Por Maria Alana Brinker >>

A metodologia possui muita relação com conceitos e práticas da Comunicação, e pode ser aplicada tanto para público interno, como externo.

Nós, comunicadores, escutamos muito falar sobre o quão importante é entendermos do negócio do cliente para conseguirmos propor soluções mais certeiras, que realmente ajudem ele a solucionar um problema, criar ou descobrir necessidades latentes para seus produtos e serviços e lançar soluções diferenciadas no mercado. E ninguém melhor do que alguém de Humanas para saber que dentro do negócio de uma empresa estão as pessoas, e que elas devem ser ouvidas, interpretadas e analisadas, afinal, são elas que vão decidir se e quanto pagarão por qualquer produto ou serviço.

A metodologia Design Thinking, muito difundida e ensinada nas faculdades de Design, está se tornando mais conhecida e utilizada em outras áreas pela grande quantidade de benefícios que gera em projetos. É uma maneira eficaz de romper o raciocínio lógico linear da ciência, da engenharia e dos métodos de gestão, trazendo uma visão holística para a inovação.

A base do Design Thinking é atuar com equipes multidisciplinares trabalhando em processo, entendendo os consumidores, funcionários e fornecedores no contexto onde se encontram, cocriando com os especialistas as soluções e prototipando para entender melhor as suas necessidades, gerando ao final novas soluções, geralmente inusitadas e inovadoras. No mais, como o nome já diz, o Design Thinking refere-se à maneira do designer de pensar, que utiliza um tipo de raciocínio pouco convencional no meio empresarial, o pensamento abdutivo. Nesse tipo de pensamento, busca-se formular questionamentos através da apreensão ou compreensão dos fenômenos, ou seja, são formuladas perguntas a serem respondidas a partir das informações coletadas durante a observação.

Nesta metodologia, a Arte se junta à Ciência e à Tecnologia para encontrar novas soluções de negócio. Usa-se vídeo, teatro, representações visuais, metáforas e música junto com estatística, planilhas e métodos de gerência para abordar os mais difíceis problemas de negócio e gerar inovação. Possui muita relação com conceitos e práticas da Comunicação, e pode ser aplicada tanto para público interno, como externo.

Atualmente, ela têm sido bastante divulgada no Brasil, e contou com uma importante ajuda da empresa MJV, que além de trazê-la para nosso país publicou, em 2012, o primeiro livro nacional sobre o assunto, de onde tirei as definições que você encontrou neste post e que pode ser baixado aqui.

E então, comunicador, conseguiu visualizar como esta metodologia pode contribuir para suas estratégias de Comunicação onde você trabalha? Acompanhe as próximas postagens aqui no Comunicação & Tendências e conheça as principais técnicas do Design Thinking que você pode utilizar!

Fonte da pesquisa: Livro Design Thinking: inovação em negócios, Maurício Vianna… [et al.]. – Rio de Janeiro, Editora MJV Press, 1ª edição, 2012.

Fonte da imagem: Pixabay

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...