25
jul
2012

Os avanços do empreendedorismo no Brasil

Por Leonardo Fleck >>

Existem muitas oportunidades em áreas ligadas a serviços, como franquias e negócios que demandam baixo investimento inicial, por exemplo, que são opções para pessoas que querem trabalhar por conta própria.

A implementação de um negócio no Brasil nunca foi algo fácil. Há trinta anos a situação econômica e as condições legais do país não beneficiavam o empreendedor. Nos dias de hoje ainda existem muitas barreiras à execução dos negócios, mas houve alguns avanços que permitiram que a prática do empreendedorismo tenha se tornado mais comum atualmente.

Empreender: propor-se, tentar ou por em execução.

Na década de 80, ter um negócio próprio era associado a pensamentos negativos sobre a idoneidade do sócio. Em muitos casos o ato de empreender estava associado ao suprimento das necessidades básicas de trabalho, ou seja, uma pessoa o fazia para ter um ofício e uma renda que permitissem o seu sustento. O cenário nos dias de hoje não é mais o mesmo: hoje se começa uma atividade, pois se vislumbram oportunidades de negócio. O Brasil é o terceiro país que mais cria empresas no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e do Reino Unido. O empreendedor brasileiro está mais educado e mais experiente e isto acarreta em maiores chances de ser bem sucedido.

O avanço da economia, a disseminação da cultura empreendedora e o aumento da formação acadêmica estão entre os fatores que permitem o avanço do empreendedorismo. Existem muitas oportunidades em áreas ligadas a serviços, como franquias e negócios que demandam baixo investimento inicial, por exemplo, que são opções para pessoas que querem trabalhar por conta própria. Os novos empreendimentos possuem características de inovação, criatividade e experimentação, que decorrem da flexibilidade deste tipo de negócio.

Apesar destes avanços, ainda existem algumas limitações em áreas como a legislação (e.g. impostos) e a obtenção de recursos para quem quer começar suas atividades. Apesar destas dificuldades, o cenário brasileiro demonstrou avanços significativos que diminuem o risco de quem quer começar um negócio. A capacidade de organizar uma ideia, reunir os recursos necessários e executá-la são os primeiros passos de uma carreira que pode ser promissora. O mercado está disposto a consumir produtos e serviços de qualidade. Existem muitas oportunidades, basta saber se haverá quem as coloquem em prática.

Fonte: EXAME, São Paulo– março de 2012.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...