Por Renata Gueresi >>

No meu último post (O que é Qualidade?) falei um pouco sobre o conceito do tema. Hoje, quero falar um pouco sobre as certificações e as premiações que existem. Estas premiações contribuem para a melhoria contínua dos processos, dos produtos e serviços, pois fazem com que a organização esteja sempre em busca da excelência e da satisfação dos seus clientes.

Sua empresa investe em Qualidade_Confira os principais prêmios e certificações.Abaixo, listo os principais prêmios e certificações existentes no Brasil e no mundo:

CERTIFICAÇÃO ISO

A International Organization for Standardization (ISO) é uma entidade internacional, com sede em Genebra (Suíça), fundada em 1946 com o objetivo de desenvolver normas técnicas que pudessem ser usadas igualmente em todos os países do mundo. Aqui no Brasil a ISO é representada pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

A denominação “International Organization for Standardization” permite diferentes acrônimos em diferentes idiomas (IOS em inglês, OIN em francês, OIP em português) e, por isso, seus fundadores decidiram usar a abreviatura ISO, que significa “igual”. (Wikipédia, 10 nov de 2014).

Essa entidade tem como maior objetivo estabelecer requisitos mínimos de gestão e garantia da qualidade, que são necessários para satisfazer as exigências dos clientes. Além disso, as normas ISO 9000, que foram criadas em 1987, têm um caráter preventivo identificando e avaliando as não-conformidades de um produto ou serviço para a empresa estabelecer ações de prevenção.

Em resumo, as normas ISO podem ser aplicadas a qualquer categoria de empresa e buscam estabelecer padrões que garantam a qualidade permanente. A certificação ISO é voluntária, e para ser certificado a empresa precisa se credenciar a uma organização certificadora.

PRÊMIO DEMING

Este é um dos prêmios mais reconhecidos na gestão da Qualidade. Ele foi fundado em 1951 pela União dos Cientistas e Engenheiros Japoneses (JUSE), tendo como motivação a reestruturação do Japão após a II Guerra Mundial.

Seu principal objetivo era propagar os fundamentos da Qualidade através do reconhecimento de que melhorias no desempenho surgem a partir de uma implementação bem sucedida de um sistema administrativo de Controle da Qualidade Total (Total Quality Control).

O prêmio possui três categorias: para pessoas, para empresas (pública, privada, grande ou pequena) e para unidades operacionais (unidades de empresas que obtiveram desempenho de destaque por adotarem políticas da Qualidade).

PRÊMIO BALDRIGE

O prêmio Malcom Baldrige destinava-se a premiar as melhores empresas industriais, de serviços, de pequenos negócios, mas em 1999 foram acrescentadas duas novas categorias: saúde e educação. Este prêmio é uma das mais altas honrarias de excelência organizacional dos EUA, sendo criado pelo Departamento de Comércio dos EUA para promover e aprimorar as melhores práticas dentro das organizações, para assim aumentar a competitividade e a eficácia.

Os assessores do prêmio avaliam o sistema de gestão da qualidade das organizações por meio dos resultados obtidos e das melhorias alcançadas, sempre observando sete critérios: liderança; planejamento estratégico; foco nos clientes e mercado; informação e análise; recursos humanos; gestão de processos; e resultado dos negócios.

PRÊMIO NACIONAL DA QUALIDADE

O Prêmio Nacional da Qualidade (PNQ), concedido pela Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), constitui o maior reconhecimento público à excelência da gestão das organizações com sede no Brasil. Idealizado no governo Collor e realizado pela primeira vez em 1992, o prêmio está estruturado com base no modelo do prêmio Malcom Baldrige, citado anteriormente.

No Brasil, o PNQ tem como objetivo selecionar as empresas que se destacaram por sua excelência em gestão, sendo um processo aberto a todas as organizações, independentemente do seu porte ou categoria.

De forma geral, candidatar-se ao PNQ auxilia a organização na realização de uma profunda análise de sua gestão, efetuada por avaliadores treinados pela FNQ, guiados por um rigoroso código de ética. Ao final do processo, obtém-se um amplo Relato Organizacional (RO).

GESPÚBLICA

O Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (GesPública) foi instituído pelo Decreto nº 5.378, de 23 de fevereiro de 2005, com a finalidade de contribuir com a melhoria da qualidade dos serviços públicos prestados aos cidadãos e para o aumento de competitividade no país.

A estratégia para a implantação de um modelo referencial de gestão pública têm sido para desenvolver ações de apoio técnico aos órgãos e entidades da Administração Pública Federal, a fim de mobilizar, preparar e motivar para a atuação em prol da inovação e da melhoria da gestão.

Os prêmios de qualidade são, portanto, importantes ferramentas de diagnóstico da situação real do desempenho dos sistemas de gestão das organizações. Eles auxiliam as empresas a se reorganizarem e a buscarem um nível de excelência que as façam se destacar de seus concorrentes e, assim, proporcionarem aos seus clientes um produto ou serviço de qualidade.

REFERÊNCIAS:

FNQ – Fundação Nacional da Qualidade: disponível em <http://www.fnq.org.br/avalie-se/pnq.> Acesso em 11 de nov. de 2014.

Rodrigues, Marcus Vinícius [etc. al.]. Qualidade e acreditação em Saúde. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2011.

GesPública: disponpivel em <http://www.gespublica.gov.br/folder_rngp.> Acesso em 11 de nov. de 2014.

FONTE DA IMAGEM: http://www.blogti.microcampsp.com.br/wp-content/uploads/2013/05/FIGURA034.jpg

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...