21
set
2011

11 de Setembro: atentando “lucrativo”

Por Emanuela da Silva >>

Não vamos diminuir o impacto que o atentando de 11 de Setembro de 2001 teve no mundo. É indiscutível. Mas devemos ser coerentes em relação à comoção mundial sobre os 10 anos do ocorrido.

A mídia deu atenção demasiada para este acontecimento, enquanto os problemas reais tornaram-se matérias secundárias na ordem de prioridades. A população brasileira prestou homenagens aos mortos no atentando, comovidos, compartilhando este sentimento. Enquanto isso, milhares de pessoas desabrigadas pelas catástrofes naturais acontecendo no Sul do Brasil, as secas no Norte, os assaltos no Sudeste. Interessante pensar que durante este período solidário, relembrando uma década do atentado terrorista, os noticiários deram tanta ênfase para este assunto. A greve dos funcionários dos Correios, a paralisação nas obras das estradas de várias regiões, os acidentes por embriaguez  seguidos de morte, a fuga nos presídios, os assassinatos e acertos de contas por causa de drogas. Todos estes assuntos relevantes para a sociedade brasileira foram tratados com certo descaso pelos meios de comunicação – em especial a Rede Globo.  A condição de país em desenvolvimento faz do Brasil escravo da potência norte-americana? A guerra liderada pelo patriotismo norte-americano deixou uma herança bilionária. Certamente, os islâmicos e árabes, ou seja, todos com a mesma nacionalidade de Osama Bin Laden, foram condenados à perseguição mundial.

O atentado de 11 de Setembro originou uma série de teorias. Vários livros foram publicados sobre o ataque às torres gêmeas, além de documentários, filmes, fotos, áudios, games e altos investimentos em segurança – seja terrestre, aérea ou virtual. Mas o 11 de Setembro apontou a fragilidade da internet diante do atentado, e as inúmeras informações falsas divulgadas rapidamente, provocando transtornos e colocando em dúvida informações verídicas. Um exemplo disso é o vídeo postado na internet chamado “A Conspiração“.

A classe política aproveitou as luzes e as câmeras, e cada um lucrou com seu momento de anonimato, já que o cenário nacional e a dança das cadeiras no Senado não roubaram a cena da comoção internacional.

ENQUANTO ISSO, NO BRASIL…

Algumas coisas* que deveríamos saber sobre quem não tem nada a ver com o atentado:

– “Rio passa São Paulo e já atrai mais investimentos”

– “Estado recebe US$ 18,4 bilhões em recursos estrangeiros e nacionais”

– “Estimativas divergentes de custo levam o Ministério Público a temer uma explosão nos gastos da Copa 2014. O Portal da Transparência do governo federal estima despesas de R$ 23,4 bilhões na preparação.”

– “Para a Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base, que monitora os custos, só os investimentos em aeroportos, portos, segurança, arenas e mobilidade urbana devem chegar a R$ 84,9 bilhões.”

– “ONG quer parto anônimo para evitar abandono.”

– “O Instituto Brasileiro de Direito da Família quer reapresentar proposta do parto anônimo, que permite a gestante entregar o bebê para adoção sem se identificar.”

– “O avião Hércules lança água em área próxima ao aeroporto para combater as chamas. De janeiro até agora, o fogo consumiu 17,5 mil hectares de vegetação do cerrado no DF. Nenhuma outra área foi mais atingida do que a Floresta Nacional, que perdeu 85% de uma de suas quatro áreas. Instituto Chico Mendes vai pedir à PF que investigue se o incêndio foi criminoso.”

– “O bioma que abastece oito das 12 bacias hidrográficas brasileiras pode desaparecer até 2030, caso se mantenha o atual ritmo de degradação, alerta estudo da ONG Conservação Internacional Brasil.”

– “Em 2011, a cada quatro horas, ladrões de carros fizeram uma vítima feminina na Capital, um tipo de ocorrência que cresce o dobro do que entre homens.”

Ser solidário com a dor alheia é nobre, mas usar o fato para desviar atenção dos acontecimentos reais é condenar a sociedade à ignorância.

*Veja as notícias acima no seguinte link: http://estudandoodireito.blogspot.com/2011/09/sinopse-11092011-resumo-dos-jornais.html

Outras fontes:

http://google.com/

http://veja.abril.com.br/

http://www.r7.com/

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...